quarta-feira, 12 de junho de 2019

“Órfãos da Terra” empaca na audiência, mas recupera o horário


Dez semanas depois da estreia, “Órfãos da Terra” parece não ter forças para reagir na audiência. Seu recorde de 25.3 pontos, cravados logo no sexto capítulo no início de abril, ainda não foi superado. Tampouco a média semanal de 21.7 pontos, obtidos na segunda semana. A trama, no entanto, elevou a audiência geral do horário para a casa dos 20 pontos, esperados pela TV Globo.

Na média dos 59 capítulos, a trama de Thelma Guedes e Duca Rachid acumula 21.0 pontos de média. O crescimento da faixa das 18h em relação à antecessora, “Espelho da Vida”, é significativo: 15% – o mais expressivo desde “Flor do Caribe” (2013), que recuperou a queda de “Lado a Lado” (2012). A trama dos refugiados, no entanto, segue atrás dos sucessos recentes do horário.

No comparativo, “Órfãos da Terra” está à frente de “Flor do Caribe” (20.7), “Além do Tempo” (20.6), “Sol Nascente” (20.3), “Sete Vidas” (19.3), “Joia Rara” (18.4), “Espelho da Vida” (18.3), “Lado a Lado” (18.0), “Meu Pedacinho de Chão” (17.6) e “Boogie Oogie” (17.5) no mesmo período de exibição. A trama é superada por “Orgulho e Paixão” (21.4), “Araguaia” (21.5), “A Vida da Gente” (22.1), “Amor Eterno Amor” (22.2), “Tempo de Amar” (22.6), “Novo Mundo” (22.7), “Eta Mundo Bom!” (22.9), “Cordel Encantado” (24.8) e “Escrito nas Estrelas” (25.9), dentre as novelas que tiveram estreia nesta década.

Sob a direção artística de Gustavo Fernández, o folhetim protagonizado por Julia Dalavia, Renato Góes e Alice Wegmann mantém-se estável nas médias mensais. Em abril e maio, cravou 21.0 pontos. Até a última segunda-feira (10), acumulava 20.8 em junho.

Nenhum comentário:

Postar um comentário